Viviane, nossa Rosa Branca, quando jovem, no seu auge da adolescência, descobriu o gosto pela musica raiz ao perceber que em seu “diskman” só tocavam musicas "sertanejo raiz", porém na época aquilo lhe causava vergonha, pois seus amigos não apreciavam esse estilo.

Viviane conta sorrindo que dizia, para disfarçar, gostar de rock, para que os amigos não a julgassem por isso.

Jenifer, a Flor Morena, aos treze anos, em uma conversa com seu vizinho, escuta dele a seguinte frase que iria mudar totalmente sua vida: “Você vai esperar seu pai fechar os olhos para você saber o que fazer com este monte de violas?” Daí por diante Jenifer parece que abriu a mente para aquilo que iria trazer tantas alegrias para sua vida.

Com muito esforço aprendeu várias musicas tendo a chance de mostrar seu trabalho a diversas pessoas. Nesse momento conhece Viviane que, com 15 anos de idade, entra na escola de viola de seu pai. Formaram parceira e com ela divulgou a música raiz por dois anos e meio.

A parceira chegando ao fim Viviane passou dez anos sem tocar e cantar. Porém o gosto pela musica falou mais alto em seu peito e fez com que ela retomasse nas aulas de viola e com isso conheceu Rafaela com a qual formou a dupla Viviane e Rafaela tocando juntas por três anos e meio.

Rosa Branca e Flor Morena 

Já Jenifer continuou vivendo artisticamente ao lado de seu pai Vicente com a dupla João Platino e Flor Morena. Parceria esta que ainda mantém viva interpretando vários sucessos que hoje por muitos jovens são esquecidos.

Porém, Viviane agora retomando a parceria com Jenifer, levanta a bandeira da música sertaneja de raiz novamente nos palcos como Rosa Branca e Flor Morena interpretando clássicos de Tião Carreiro e Pardinho. Tonico e Tinoco, Zé Carreiro e Carreirinho, Ronaldo Viola e João Carvalho dentre outros grandes artistas, fazendo a alegria de quem sente na pele a verdadeira musica raiz.

© 2018 by  Miltinho de Carvalho & Asteca Eventos